16 de abril de 2009

Hoje vou ser feliz!


Hoje me aprontei pra ser feliz!
E nem a chuva vai desfazer meus planos.
Descí ao sotão, abrí o baú...
Que há tempo habitava entre quatro paredes
E peguei minha vida de volta,
Sacodí a poeira...
E saímos de mãos dadas passeando pela praça.
Fomos ao encontro da felicidade,
que nos esperava de braços abertos.







NiL Almeida